Skip Ribbon Commands Skip to main content
​​
The Opus
Your primary source for Marantz news and more.
​​​

4 Passos para Conseguir um Som Incrível do Gira-discos

4 Passos para Conseguir um Som Incrível do Gira-discos

Se procura apenas o melhor em áudio de gira-discos, não se sinta só: o revivalismo do disco de vinil continua vivo e de boa saúde. De acordo com um estudo da Nielsen, no ano de 2016 entusiastas da música compraram 13 milhões de novas cópias de lançamentos neste formato, marcando 11 anos consecutivos de crescimento de vendas.

Esteja no mercado para comprar a música mais recente, a vasculhar por caixotes de singles nos usados ou a descobrir tesouros na arrecadação, vai querer assegurar-se que a sua coleção de discos soa tão bem quanto possível. Com apenas alguns ajustes ao seu sistema de áudio, conseguirá maximizar os resultados cada vez que pousar a agulha no disco.

1. Reorganize a sua configuração
Já que os gira-discos operam através da medição de vibrações, a posição física do seu equipamento pode ter um grande impacto no som. Verifique que o gira-discos se encontra numa superfície que não abana. Caso contrário, arrisca-se a assistir a uma quebra no desempenho ou mesmo a feedback ensurdecedor.

Se possui um gira-discos com pés de apoio ajustáveis, utilize-os para manter o corpo do gira-discos o mais equilibrado possível. As próprias colunas podem causar vibrações, por isso coloque-as em mobília separada para não interferirem com a reprodução da música.

2. Verifique a cabeça e o braço do gira-discos
A cabeça de gira-discos é responsável por transformar as vibrações em impulsos elétricos. É por isso que a configuração correta e manutenção regular são vitais. É possível evitar distorção e um gasto desnecessários dos seus discos alinhando corretamente a cabeça de gira-discos e o contrapeso no braço no nível ideal de resistência. Fabricantes de gira-discos e cabeças de gira-discos oferecem recomendações para estas configurações, mas é possível que necessite de um medidor para obter o alinhamento perfeito.

Enquanto um gira-discos retro possui um charme inquestionável e, em muitos casos, uma qualidade de construção excecional, uma cabeça de gira-discos antiquada põe em risco os seus álbuns preciosos. Se a sua agulha estiver gasta, é provável que vá ouvir ruído, picos de som e saltos na música enquanto reproduz discos que anteriormente não mostravam ter esses problemas.

3. Considere um novo preamp de gira-discos
O preamp de gira-discos liga-se ao recetor AV ou amplificador e é responsável por aumentar o nível de volume a um nível standard. Vários gira-discos incluem já preamps instalados, mas procure investir num preamp externo ou no Marantz NR1609 com equalizador phono premium integrado. Um preamp fabricado com circuitos de alta qualidade oferece o equilíbrio tonal correto para que possa desfrutar plenamente das nuances de uma gravação.

4. Otimize o som do seu gira-discos com um novo recetor
O recetor AV é o coração do seu sistema de cinema em casa e um componente essencial para tirar o máximo de partido de qualquer gira-discos. Enquanto amplificadores de menor qualidade prejudicam a reprodução, introduzindo ruídos indesejáveis, o sistema certo oferece uma reprodução poderosa e neutra que potencia a fidelidade do áudio. Além disso, poderá alternar facilmente entre as suas seleções em vinil, a sua coleção de música digital, ou os seus filmes.

Para tirar o máximo partido dos seus valiosos discos, consulte a seleção de amplificadores e componentes hi-fi da Marantz. Equipamento de qualidade excecional faz toda a diferença entre ouvir uma canção outra vez e desfrutar verdadeiramente da riqueza dos sons numa composição musical.